segunda-feira, agosto 01, 2016

Veremos mais lá para a frente... Marcelo acha que “a crise política evaporou-se”!

video
Quanto à aprovação do Orçamento do Estado para o próximo ano, o Presidente diz que não vê “nenhuma razão de tensão adicional. O Presidente da República afastou um cenário de crise política, na sequência das reuniões que fez com os partidos e parceiros sociais, e manifestou-se tranquilo em relação à aprovação do Orçamento do Estado para 2017. "Basta terem ouvido aquilo que disseram os partidos e os parceiros sociais à saída das audiências para terem percebido que não há crise política e não vai haver crise política", declarou Marcelo Rebelo de Sousa aos jornalistas, no Instituto Universitário Militar, em Lisboa. "Portanto, a crise política evaporou-se do panorama político português tal como tinha aparecido", considerou. Questionado sobre o processo de negociação do próximo Orçamento do Estado entre o PS e os partidos à sua esquerda, o chefe de Estado respondeu: "Eu não vejo nenhuma razão de tensão adicional quanto ao Orçamento de 2017". "Não ouvi nenhum [partido] falar em qualquer hipótese de retirar o apoio ou de haver qualquer cenário, mesmo vago, de crise a propósito do Orçamento de 2017. Não ouvi", acrescentou o Presidente da República, concluindo: "Estou tranquilo. Nesse particular estou muito tranquilo. Fossem todos os problemas iguais a esse. Há outros problemas no mundo, como em Portugal, mas não esse".

1 comentário:

Jorge Figueira disse...

Problemas certamente teremos "lá para a frente". O País não ficou no mar de rosas que nos "vendeu" P. C. na campanha eleitoral.
Ao PR cabe-lhe fazer este discurso. Aos partidos ser-lhes-á dada a palavra na hora exacta.
A minha esperança é que ninguém fuja às suas responsabilidades como andamos a ver na CGD e BANIF