domingo, janeiro 29, 2017

O vídeo (genial) com que a Holanda quer conquistar Donald Trump

video
Já é viral. E não é difícil perceber porquê. “Querido Presidente, nós percebemos perfeitamente que a América vai estar sempre em primeiro lugar, mas será que a Holanda pode vir em segundo?”

“A Ryanair tem mais qualidade do que a TAP?” Já vai perceber

video
O que é (afinal) a qualidade? Nadim Habib, professor da Nova School of Business and Economics (Faculdade de Economia da Universidade Nova de Lisboa), responde

SIC-Notícias: Quadratura do círculo (26 Janeiro 2017)


SIC-Notícias: Expresso da Meia Noite (27 Janeiro 2017)


Mário Soares: Memórias do Portugal Futuro

***
***
***

SIC-Notícias: O Eixo do Mal (21 Janeiro 2017)


TVI24: Opinião de Fernando Medina (23/01/2017)


SIC: Grande Entrevista com Marcelo Rebelo de Sousa


Mais famílias sobreendividadas

video
O número de famílias em dificuldades aumentou ainda mais no ano passado. A Deco recebeu um número recorde de pedidos de ajuda sobretudo por endividamento.

Despesas com PPP rodoviárias aumentaram 77% no final de 2016

video
A despesa do Estado com as parcerias público privadas rodoviárias disparou 77% no 3º trimestre de 2016. Algumas destas parcerias estão a ser renegociadas mas até agora sem qualquer resultado.

Fisco vendeu uma média de 20 carros por semana em 2016

video
O fisco penhorou e vendeu 979 carros em 2016 registando assim um aumento de 28% em relação ao ano anterior. A venda de imóveis diminuiu no mesmo período, ainda que tenha sido o tipo de bem mais penhorado.

Venezuela é o país mais corrupto da América Latina

Dados divulgados pela organização não-governamental anticorrupção Transparência Internacional colocam a Venezuela como o país mais corrupto da América Latina. A classificação faz parte do Índice de Perceção da Corrupção 2016, que inclui uma listagem de 176 países, em que a última posição, a de país mais corrupto, é ocupada pela Somália. Quanto à América do Sul, em primeiro lugar está a Venezuela (166.º lugar), num continente onde o Haiti é o segundo país mais corrupto (159.º), seguido pela Nicarágua (145.º), Guatemala (136.º), Honduras (123.º), México e Paraguai (123.º). Outros países da América Latina que figuram na lista são o Uruguai (21.º), Chile (24.º), Brasil (79.º), Colômbia (90.º), Argentina (95.º), Peru (101.º), Guiana (108.º), Bolívia (113.º), República Dominicana e Equador (120.º). O Índice de Perceção da Corrupção 2016 chama a atenção de que "urge abordar o círculo vicioso da corrupção e desigualdade" e que "a ascensão de políticos populistas em numerosos países é um sinal de alerta" (SIC-Notícias)

O Mundo Segundo Os Brasileiros: Ilha da Madeira

***
***
***
***
***

Regulador europeu investiga extensão da vida útil de quatro aviões da TAP

Estes aviões atingiram as 100 mil horas de voo entre 29 de julho e 26 de setembro de 2016. A 5 de janeiro já tinham voado entre 101.218 e 101.786 horas. O regulador europeu do setor da aviação está a investigar a extensão da vida útil de quatro aviões A340-300 da companhia aérea portuguesa TAP, autorizada pela Autoridade Nacional da Aviação Civil (ANAC), em julho de 2016. A TAP solicitou à ANAC a isenção da obrigatoriedade de modificações de componentes, com vista à continuação da operação dos aviões até aos 31.000 ciclos de voo e 156.000 horas de voo, que atingiriam "a breve trecho" as 100.000 horas de voo, valor que corresponde ao limite da vida útil. As "solicitadas isenções" foram autorizadas a 13 de julho de 2016, um dia depois de o pedido ter sido dirigido ao presidente da ANAC, Luís Ribeiro. Questionada pela Lusa, a Agência Europeia para a Segurança na Aviação (EASA) disse que não recebeu quaisquer documentos ou informação da ANAC sobre esta autorização", acrescentando que iria contactar o regulador nacional "de modo a proceder a uma investigação mais aprofundada sobre o assunto".

Mar: mais de 90% de Portugal é mar

Mais de 90% do território português está submerso. Portugal tem a 21ª maior Zona Económica Exclusiva do mundo, com 1,6 milhões de quilómetros quadrados. Com a extensão da plataforma continental da Madeira às ilhas Selvagens, a ZEE portuguesa duplicará de dimensão, tornando-se a décima maior do mundo. Este potencial é aproveitado na exploração de recursos em setores como a energia, onde Portugal é o 14º país do mundo na energia eólica offshore (Jornal Económico)

Eleições: socialistas europeus afundaram ao longo de uma década

Em, dez anos, apenas os partidos socialistas italianos e franceses não sofreram erosões pronunciadas na primeira década do milénio. No caso francês, o pior ainda está para vir: ninguém acredita que Manuel Valls vá herdar o poder de François Hollande. Outro dado que importa reter é a quase nula densidade política dos partidos socialistas nos países da Europa de leste. E a queda do muro de Berlim já não explica tudo: por razões históricas, culturais e sociais, as ideologias de esquerda nunca tiveram grande aceitação naquele lado da Europa (Jornal Económico)

Numa análise muito simplista: Clubes madeirenses dão 4,6 milhões de euros às Finanças

Finanças da Madeira perdem dinheiro com o apoio ao futebol? As contas dos maiores clubes mostram que o Governo Regional consegue lucrar.

A dimensão dos apoios financeiros atribuídos ao futebol profissional na Madeira são muitas vezes questionados, com a alegação de que os recursos financeiros poderiam ser canalizados para outras prioridades sociais. Mas há também quem sustente que qualquer decisão mais radical seria prejudicial para a Madeira, já que, segundo o argumentário apresentado por quem assim se posiciona, os cofres regionais acabariam por perder várias centenas de milhar de euros.
A verdade é que esta discussão perdura no tempo sem que haja quem apresente, pelo menos até hoje, dados oficiais convincentes suscetíveis de darem razão a qualquer um dos lados em confronto.

A sondagem no Funchal: acabemos com as tretas

Vamos lá acabar com esta dúvida tonta em torno da misteriosa sondagem - só para alguns porque eu sei que existe, e ponto final - encomendada para o Funchal mas que ninguém assume ter encomendado. É simples perceber: fui um dos contactados pela empresa que realiza a sondagem para responder a um questionário habilmente preparado. Estamos entendidos?
Deixo uma pergunta:
É ou não factual que esta sondagem feita pela GFK - "só" a empresa que faz as audiometrias televisivas em Portugal..... - foi encomendada pela LPM, empresa de comunicação que está a trabalhar para Paulo Cafofo? É ou não verdade que o PS, por razões financeiras, não realizou sondagem nenhuma, já que havia quem pretendesse empurrar a autoria desta iniciativa para os socialistas?
Eu não tenho nada contra o facto de se realizarem sondagens. Não me repugna nada. Até concordo que as façam. O que me repugna não é isso. É tão somente a falta de dignidade de quem a encomenda e depois, quando a iniciativa é descoberta com base em factos indesmentíveis, tentam enganar as pessoas, incluindo jornalistas, negando a estes de forma idiota o que sabem que é verdade. Portanto, ponto final no assunto: a CMF encomendou uma sondagem à GFK e, bem ou mal, estou-me nas tintas para saber quem paga isso ou como. Esse problema, na minha lógica, diz respeito aos partidos com representação municipal já que essa informação nunca é prestada, repito, nunca é facilitada, aos jornalistas por muito insistentes e teimosos (como lhes compete) que estes sejam na sua procura. Informação bloqueada quer por quem encomenda o trabalho, quer por quem o executa (LFM)

A sondagem “mistério” no Funchal que ninguém encomendou…

Uma sondagem realizada pela GFK no Funchal continua envolta em "mistério" na medida em que ninguém, nem Câmara do Funchal, nem partidos assumem tê-la encomendado.

Salvo o PS madeirense – que não se pronunciou sobre o assunto – os demais partidos com representação autárquica no executivo do Funchal, PSD e CDS, aguardam resposta aos esclarecimentos solicitados ao edil funchalense, Paulo Cafofo sobre o assunto.
Uma fonte do CDS confirmou ao Económico Madeira que o partido aguarda os esclarecimentos solicitados por escrito, desejando que Paulo Cafofo cumpra os requisitos regulamentares neste domínio, já que o pedido de informação foi apresentado no quadro da Assembleia Municipal do Funchal.
O PSD confirmou ao Económico Madeira que mantem o pedido de esclarecimento apresentado em devido tempo, também o âmbito da Assembleia Municipal, embora reconheça que Paulo Cafofo já negou ter conhecimento de alguma sondagem.